O Que São os Jogos de Gestão de Mão?

As mecânicas são uma forma de descrever e padronizar uma forma de jogar do ponto de vista das ações possíveis no jogo. Por exemplo, se num jogo você rolar o dado e mover a sua peça, você está utilizando a mecânica de Rolar e Mover. Se em um jogo você acumula cartas na mão para fazer pontos ou jogar combos, você está utilizando a mecânica de gestão de mão. 

A grande maioria dos jogos possui uma somatória de mecânicas diferentes. Elas também ajudam os jogadores a entender os jogos e descobrir preferências com mais assertividade na hora de comprar ou jogar um novo jogo. Existem Mecânicas que definem como será a área do jogo, outras relativas a compra e venda e até mecânicas que definem a divisão dos jogadores em equipes ou em um só grupo. 

Neste artigo, vamos focar nos jogos com mecânica de gestão de mão. Tem curiosidade sobre o assunto e deseja entender melhor sobre ele? Então confira:

Mas Afinal o Que São Mecânicas de Jogos?

Em geral, quando falo “mecânica” vem à cabeça a imagem de engrenagens funcionando em conjunto e em precisão. Na física, esse termo designa o estudo dos movimentos dos corpos sem levar em conta suas causas (já na dinâmica as causas são consideradas). A ideia central de “mecânica”, portanto, é a de movimento considerado em si mesmo: “Como as coisas funcionam?”.

Pensar mecanicamente envolve uma abordagem maquinal, distinta de um fluxo vivo. A prova disso é que podemos contrapor algo “mecânico” a algo “orgânico”: a mecânica foi projetada para um fim e montada (com peças) ao passo que algo orgânico brota espontaneamente. 

Mecânica, portanto, diz respeito aos desígnios do projetista: regras, restrições e objetivos que ele projetou para afetar a experiência do jogador. Mas a experiência do jogador está além dos desígnos do projetista: emerge de forma orgânica da interação deste com o jogo (constituindo-o no tal fluxo vivo de sensações que, com sorte, resulta em diversão).

Quando vemos um jogo pela primeira vez, nosso reflexo é fazer perguntas como: “o que tem que fazer aí?”, “o que acontece, então?”, “que tipo de jogo é?”. Essas perguntas remetem à mecânica do jogo.

O que é a Gestão de Mão?

A gestão de mão (hand management) é uma mecânica de jogo que consiste em utilizar cartas (geralmente, mas não exclusivamente) para jogar em sequência, realizar combos e fazer o melhor uso delas.

As cartas possuem múltiplos usos e as vantagens fornecidas dependem das condições do jogo. Os itens adquiridos vão para a sua mão, para melhor análise e utilização posterior. A carta pode ser reutilizada, a menos que também haja a mecânica de set collection no jogo.

O combo, no caso, pode ocorrer com o cenário momentâneo da partida e não necessariamente com outros componentes seus. A gestão de mão ainda está intimamente ligada com seleção de cartas e deck building.

  • Seleção de Cartas

A mecânica de Seleção de Cartas consiste na ação de escolher uma carta de um subconjunto limitado. Sua formação varia muito conforme o jogo. Serve para obter vantagem imediata ou a longo prazo, ou para montar um set de cartas para atingir um objetivo do jogo.

A simples ação de compra de uma carta não pode ser considerada Draft, pois tal mecânica implica alguma forma de escolha. Você pode inclusive escolher uma carta que um jogador rival possa precisar, negando-lhe tal possibilidade. 

Nosso jogo Port Royal é um ótimo exemplo de seleção de cartas! No jogo, com a mecânica de forçar a sorte, é criado um pool de cartas que fica sempre visível aos jogadores. É estratégico tanto para a criação do pool como para a seleção das cartas a serem compradas. Com sorte e com a decisão correta, pode-se fazer o adversário “perder a vez”, ao não ter nenhuma opção viável de compra. 

  • Deck Building

Já o Deck Building passa aos jogadores uma forte sensação de construção e personificação de estratégia. Construção de baralho é uma mecânica muito dinâmica e equilibrada na igualdade de oportunidades.

No Deck Building você começa com um conjunto pré-determinado de cartas. E durante a partida, os jogadores têm a oportunidade de adquirir novas cartas, que geralmente vão para a pilha de descartes. Com elas, os players podem construir seus decks e direcionar sua estratégia. Após acabar a pilha de compra de cartas, embaralha-se o descarte para formar um novo deck de compra.

As novas cartas a serem compradas possibilitam mais ações, ações melhores e/ou melhor possibilidade de geração de recursos do que o deck inicial do jogador. Geralmente o custo das novas cartas são proporcionais a qualidade da carta.

Sugestões de Jogos com Gestão de Mão da PaperGames

Na PaperGames você encontra diversas opções de jogos com mecânica de gestão de mãos para você se divertir! Confira alguns títulos que separamos para você:

Saboteur

Em Saboteur os jogadores são anões mineradores, procurando ouro no labirinto de túneis em uma mina. Mas cuidado! Alguns dos anões são sabotadores tentando frustrar seus esforços e roubar todo o seu suado ouro. Continue escavando, mas desconfie de todos!

Com a ajuda das cartas de anões, os papéis dos jogadores são atribuídos: ou Minerador ou Sabotador. Os papéis são mantidos em segredo, até o final da partida.

Para encontrar o filão do minério, você deve superar desmoronamentos, lanternas pifadas e picaretas quebradas. No final de três rodadas, o anão com mais pepitas de ouro vence!

Pega em 6

Em Pega em 6!, você deve marcar o mínimo de pontos possível. Cada jogador recebe 10 cartas e na sua vez, escolhe, revela e posiciona uma delas em uma das quatro fileiras da mesa. Se incluir a sexta carta, ele deve pegar as cinco primeiras. Seu objetivo é evitar pegar cartas pois cada uma que você pega rende pontos negativos!

A Edição Comemorativa de 25 Anos inclui 28 cartas adicionais, para uma nova forma de jogar, que permite abrir novas fileiras, mover e inserir cartas, aumentar os limites ou ainda bloquear as fileiras.

Em comemoração ao lançamento da Edição de 25 Anos no Brasil a PaperGames lançou ainda 3 expansões gratuitas para o Pega em 6!, desenvolvidas pelo autor nas comemorações do Aniversário de 10 e 20 anos do jogo e que alteraram as regras e forma de jogar e nunca publicadas fora da Europa. São elas: Plus, Curingas e Maleta.

Lhama

Você consegue derrotar a LHAMA? Tente se livrar de todas as suas cartas para não receber nenhuma ficha.

Se não conseguir jogar o que quer, você terá um verdadeiro dilhama – abandonar a rodada e congelar sua mão ou comprar uma nova carta e torcer para continuar jogando?

Talvez você consiga jogar aquela carta mais tarde, mas se não, terá apenas prejudicado sua pontuação! Se conseguir jogar todas as suas cartas, você pode devolver uma ficha também. O jogador com menos pontos vence o jogo!

Um jogo para toda família e todas as idades. Não importa se você é iniciante ou veterano nos jogos, LHAMA é rápido, divertido e viciante!

Do aclamado autor Reiner Knizia, LHAMA foi finalista do principal prêmio de jogos de mesa do mundo, o Spiel des Jahres (Jogo do Ano) em 2019.

Hanabi

Hanabi – palavra japonesa para “fogos de artifício” – é um jogo cooperativo no qual jogadores tentam apresentar o espetáculo perfeito de fogos, colocando as cartas na mesa na ordem correta.

Parece fácil, certo? Bem, nem tanto, pois neste jogo você segura suas cartas de forma que elas fiquem visíveis apenas aos outros jogadores. Isso mesmo, você não pode ver suas próprias cartas!

Vocês devem trabalhar em time, dando dicas uns aos outros a respeito dos valores ou das cores das cartas de cada um para criar um deslumbrante espetáculo de fogos antes que acabem suas cartas. Hanabi venceu o Spiel des Jahres de 2013, uma das principais premiações de jogos do mundo.

Architectura

Os mais famosos arquitetos reuniram-se para erguer uma cidade magnífica com os melhores teatros, estufas e tavernas. Cada arquiteto quer oferecer a contribuição mais significativa para a construção da cidade, mas suas ambições, inevitavelmente, levarão a uma desafiadora competição.

Em Architectura, sua mesa virará uma cidade com ruas e quadras. Cada construção que você levantar afetará o valor das construções adjacentes ou até mesmo poderá destruí-las!

Rotacione as cartas para alterar seu valor, aplique seus efeitos especiais e faça seu melhor para gerenciar com cuidado suas opções para tornar-se o melhor arquiteto da cidade!

Jogue Architectura com as regras básicas ou monte um baralho personalizado para cada jogador. Seja qual for a versão escolhida, cada partida será única!

Bohnanza

Cultivar feijões nunca foi tão divertido! Em Bohnanza, você tem dois ou três campos e um punhado de cartas de feijão para plantar. O espaço para cultivo é limitado e a toda hora chegam novas sementes para plantar.

A regra fundamental do jogo é que você deve plantar os feijões da sua mão na ordem que você os recebeu! Você não pode alterar sua mão de cartas! Para evitar plantar feijões indesejados, faça trocas com outros jogadores, procurando conseguir os que deseja, oferecendo os que eles tenham interesse para seus próprios campos. Trocando com esperteza, você consegue as cartas que quiser sem ajudar demais os outros jogadores.

Além de plantar, você irá colher suas plantações e vender seus feijões! Quanto mais feijões de um mesmo tipo forem vendidos, maior será o seu lucro. No final do jogo, o jogador com mais dinheiro é o vencedor!

Fungi

Em Fungi, você está no meio da floresta procurando por cogumelos para vender ou cozinhar! O jogo utiliza dois baralhos: um baralho diurno, com diferentes tipos de cogumelos, cestas, panelas, sidra, manteiga e um pequeno baralho noturno com cogumelos sob a luz do luar.

Cada cogumelo possui dois valores: para a venda e para o preparo. Vender garante a você mais opções de escolha para as próximas rodadas, mas cozinhar dará pontos de vitória. Com cogumelos venenosos misturados aos demais e um limite de cartas na mão para gerenciar, selecionar as melhores cartas em seu turno será um grande desafio!

A cada turno uma carta de cogumelo é removida e uma nova é revelada, deixando cada um delas disponível para compra por um curto período. Esse movimento constante das cartas cria um efeito de caminhada, onde alguns cogumelos são coletados, alguns são deixados para trás e outros são vistos mais à frente. No final, o jogador com mais pontos de vitória vence! Entre na floresta e vença este duelo!

Capital Lux

Em Capital Lux, defina o destino dos seus cidadãos: colocá-los em suas Cidades Natais para obter pontos ou na Capital para obter os benefícios de suas habilidades especiais? Para toda carta há um dilema e cada jogada é crucial!

Você estará balançando no fio da navalha o tempo todo! Vai aceitar o risco? Blefar? Ou seguir um plano cuidadosamente estabelecido? A escolha é sua neste inteligente jogo de cartas, com lindas artes do pintor americano Kwanchai Moriya.

Quer conhecer mais? Essa é apenas uma pequena parte do universo da PaperGames, temos muito mais opções para você conhecer e se apaixonar ainda mais. 

Comentários
Compartilhe com seus amigos!