5 benefícios dos jogos para idosos

Os benefícios dos jogos para idosos são comprovados cientificamente. É justamente por isso que em centros de convivência para idosos os terapeutas implementam as jogatinas como atividades que ajudam no processo de envelhecimento saudável.

Sabemos que envelhecer é inevitável, porém, existe a opção de escolha de como tudo isso vai acontecer para se ter mais qualidade de vida conforme o tempo passa.

A adoção de um estilo de vida saudável com boa alimentação, exercícios físicos e atividades mentais podem trazer impactos muitos positivos para o idoso e toda a sua família.

Neste período de quarentena, que tal aproveitar para incluir os jogos na rotina deles?

Quais são os benefícios dos jogos para idosos mais importantes?

Os jogos, especialmente de tabuleiro e de cartas são essenciais na vida das pessoas de terceira idade. Eles permitem que eles saiam da monotonia e se sintam mais vivos do que nunca. Todavia, as vantagens não são somente essas, confira!

Melhora as funções cognitivas

A capacidade cognitiva é a forma como o cérebro assimila as informações, compreensão de conceitos, relacionamentos com outras pessoas e a sensação de pertencimento no mundo.

O que poucas pessoas sabem é que essa função cognitiva não dura para sempre, ela tem seu pico na vida do ser humano aos 30 anos, sua estabilidade vai até aos 50, depois disso, a forma como o cérebro processa as informações vai ficando cada vez mais lenta.

É por isso que os idosos têm mais dificuldades de entendimento, raciocínio e até mesmo, lentidão para fazer coisas simples do dia a dia. Outra questão muito atingida é a memória e a atenção.

Mas, a boa notícia é que o cérebro pode ser exercitado. Os benefícios dos jogos para idosos nesse caso são muito maiores do que somente o entretenimento, mas sim, um treinamento importante para fortalecer o músculo do cérebro.

Ou seja, jogos da memória, palavras cruzadas, damas, cartas e outros jogos de tabuleiro podem ser comparados com os equipamentos de peso da academia, mas os jogos, são as ferramentas para fortalecer o cérebro.

Desenvolvimento da autonomia

As práticas lúdicas favorecem muitos os idosos, especialmente no quesito de melhoria na autonomia para fazer coisas simples do dia a dia.

Isso é muito percebido pelos terapeutas que aplicam atividades com jogos em casas de repouso. Eles notaram que os idosos participantes tem mais lucidez na realização de pequenas tarefas como arrumar a cama, lavar uma louça e até mesmo, facilidades na aprendizagem de novas atividades.

O treino constante da mente permite mais ousadia, inclusive para mexer nas novas tecnologias.

Ajuda no fortalecimento de vínculos familiares e convívio comunitário

Uma das coisas que a maioria das pessoas na terceira idade sente é “solidão”. Por isso, o desenvolvimento de atividades que integrem idoso, família e comunidade é fundamental para garantir melhor saúde mental e psicológica durante o processo de envelhecimento.

Os jogos são capazes de fazer essa integração, pois a maioria deles exige a participação de mais pessoas, essa é uma excelente oportunidade de reunir a família, amigos e grupos para compartilhar esses momentos.

Uma excelente escolha são os jogos de cartas e também de tabuleiro, que além de divertir, ajudam a melhorar a memória. Hoje em dia, é possível sair do convencional e escolher entre as diversas opções existentes. Confira aqui!

 

Previne doenças

Não se pode negar que um dos maiores benefícios dos jogos para idosos é a preservação da saúde mental. Muitos nessa faixa etária se encontram com depressão, pois não conseguem encarar essa fase de muitas mudanças.

Em uma pesquisa realizada pelo IBGE, mostra que a faixa etária mais atingida com a depressão é entre 60 aos 64 anos. Contudo, a desigualdade social foi o primeiro requisito apontado, já que idosos de baixa renda são mais acometidos.

Outra causa desse problema se deve por causa da solidão e do tempo ocioso.

O envelhecimento da população aumentou, com isso, a incidência de doenças psiquiátricas tem preocupado as famílias. Contudo, os jogos entre população idosa, tem mostrado vantagens na prevenção do problema.

É um excelente passatempo

Durante a vida toda, as pessoas estão correndo atrás de trabalho, estudos e cuidados com a família. Ou seja, estão sempre cercada de pessoas, porém, quando a terceira idade chega, vem o marasmo, pois chega a aposentaria e os convites sociais já não são mais os mesmos.

Se existem benefícios dos jogos para idosos é o poder que eles tem de entreter e fazer com que a pessoa tenha com que se ocupar. Já existem muitos campeonatos de jogos, bem como, grupos que se encontram para jogar.

Portanto, convencer uma pessoa da terceira idade a jogar pode ser muito positivo para a saúde física e psicológica do idoso, além de fazer com que ele viva melhor e mais feliz.

 

Gostou do conteúdo? Confira também: 5 dicas de como ensinar os seus amigos a jogar!

Comentários
Compartilhe com seus amigos!